Importância da agência marítima no mercado Offshore

agência marítima no mercado offshore
6 minutos para ler

Embora seja tratada como um elemento fundamental para diversas atividades, a importância da agência marítima no mercado Offshore ainda desperta dúvidas mesmo em quem já se habituou ao setor.

Levando isso em conta, entrevistamos Thalita de Sá, que é analista comercial sênior da Wilson Sons — um dos maiores operadores integrados de logística portuária e marítima no Brasil —, e especialista em desenvolvimento de negócios no segmento de Óleo e Gás (Oil & Gas).

Ao longo do texto, você entenderá como é o atendimento de uma agência marítima para o mercado Offshore e quais são os maiores benefícios de contar com esse suporte, em função das dificuldades enfrentadas pelas empresas desse setor. Boa leitura!

Como funciona o atendimento de uma agência marítima no mercado Offshore?

De acordo com a especialista, é imprescindível que o atendimento prestado a esse mercado por parte das agências seja bastante ágil. Isso porque esses acontecimentos se dão em uma velocidade acelerada e é preciso estar pronto para tomar as decisões necessárias. “Às vezes, a embarcação de apoio só avisa de sua entrada da noite para o dia, fazendo com que o imediatismo na resposta seja importante. É preciso agir em curtos períodos de tempo — e isso requer preparação”, destaca Thalita.

Nesse sentido, a agilidade nas respostas é um aspecto mais relevante para as agências do que para os fornecedores. Ou seja, caso uma embarcação de apoio precise entrar, é preciso responder ao cliente rapidamente e tomar as providências necessárias para que a entrada no porto aconteça da melhor forma possível. De uma hora para outra, a agência avisa no line-up, marca o terminal, faz a coordenação com este e promove a liberação da embarcação no porto.

Como os avisos são dados com quase nenhuma antecedência e a empresa precisa desses serviços com muita rapidez, cabe às agências a responsabilidade de oferecer um atendimento prestativo e proativo.

Quais são as maiores vantagens em contar com uma agência marítima no mercado Offshore?

Além de ter à disposição o conhecimento de quem está acostumado a atuar dentro desse mercado, aqueles que contratam esse serviço recebem maior segurança ao conduzir suas operações. Vale lembrar que a maioria desses profissionais não contrata uma agência para uma ocasião isolada, mas sim por um ou dois anos, que serão resguardados pela gestão e pela expertise de quem conhece bem o setor Offshore.

Contudo, para ter esses benefícios, é indispensável analisar a experiência técnica da empresa que será contratada. Outro ponto que deve ser avaliado é a parte de Compliance — a Wilson Sons, por exemplo, tem a certificação Trace, que é um documento internacional capaz de atestar as fortes políticas de Compliance que a agência aplica de forma interna.

Embora as pessoas nem sempre reconheçam a importância das agências, é oportuno frisar que, muitas vezes, elas são contratadas e sondadas para participar de licitações. “Dessa forma, sua empresa evita a obrigação de lidar com procedimentos específicos e complexos, porque a agência já dispõe de um sistema para cuidar dessa atividade”, comenta Thalita.

Em poucas palavras, a agência está ligada diretamente às demandas do navio. Como são várias as embarcações envolvidas nesse mercado e cada uma delas tem um objetivo — como PSVs, OSRVs, PLSVs (posicionamento, instalação de linhas/tubos), AHTSs (suporte à ancoragem), FPSOs e navios-sonda — o papel da agência se torna ainda mais relevante. Isso sem contar as operações ship-to-ship e operações especiais tipo mob/demob (mobilização/desmobilização) que também demandam suporte das agências marítimas.

Segundo Thalita, “poder contar com uma boa agência marítima é essencial para que a operação ocorra com sucesso, porque ela acompanha de modo integral não só a chegada da embarcação, mas também a operação, a permanência e a sua saída”. Além disso, as empresas precisam de determinadas informações para que os procedimentos sejam executados corretamente — o contato com dados precisos é viabilizado pelas agências.

Quais são as maiores dificuldades das Offshores e como as agências podem colaborar?

As principais dificuldades se refletem no gesto de acompanhar o vencimento dos certificados e de outras pendências. “Como as empresas estão ligadas demais aos fatores operacionais, acabam deixando os afazeres mais burocráticos um pouco de lado. Quando a agência marítima é qualificada nesse âmbito, isso facilita o trabalho”, indica Thalita.

Em suma, as atividades das empresas de Óleo e Gás (Oil & Gas) estão muito associadas ao funcionamento operacional da embarcação. Afinal, ter uma sonda ou uma plataforma sem operar tende a gerar uma grande perda de recursos — quando não há produção, perde-se muito investimento. Por isso, a agência tem que oferecer uma boa assistência para que a embarcação não pare de funcionar em nenhuma hipótese. Nesse sentido, um certificado atrasado pode deixar a embarcação parada, causando um efeito dominó negativo no trabalho de todas as partes!

Quais são os serviços oferecidos pela Wilson Sons para esse mercado?

Como se trata de um mercado bem específico, a Wilson Sons — presente nos principais portos brasileiros — tem um portfólio de serviços desenvolvido para suprir as demandas do setor.

“Os serviços que oferecemos são inerentes ao agenciamento marítimo, mas com diferenciais valiosos, principalmente em relação às sondas e às plataformas”, relata a analista comercial. Alguns exemplos do que a empresa oferece são:

  • as emissões e renovações de certificados, como o Atestado de Inscrição temporária e o AJB, que permite operar em Águas Jurisdicionais Brasileiras;
  • as Inspeções do Port State Control, conjunto de normas que devem estar regulamentadas para que o navio possa operar;
  • os serviços normais de agenciamento: logística de materiais e serviços, troca de tripulantes quando necessário e coordenação de fornecedores locais;
  • as diversas burocracias junto à capitania dos portos, bem como o acompanhamento e a marcação de inspeções;
  • o atendimento da embarcação e o tratamento das pendências relativas à documentação;
  • entre outros.

“Além da experiência, um diferencial da Wilson Sons é o acompanhamento do vencimento de certificados e pendências de relatórios do Port State. Isso ajuda as empresas de O&G (Oil & Gas) a manterem o foco na operação da embarcação”, resume Thalita. Enfim, é inegável que contar com uma agência marítima no mercado Offshore faz toda a diferença.

Se você gostou desse conteúdo, aproveite para assinar a nossa newsletter gratuitamente e fique por dentro de outras novidades como essa!

Você também pode gostar

Deixe um comentário